ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar
<<< Anterior Próxima >>>


ESCOLHA O TAMANHO DA FONTE - A - A

23/01/2020
Paraíso felino: clínica especializada usa odores e até música no atendimento aos gatos

“Cat Friendly”, The Cat Doctor fornece atendimento, cirurgias e tratamento dentário em ambiente criado exclusivamente para os felinos

Paraíso felino: clínica especializada usa odores e até música no atendimento aos gatos



Nos últimos anos os gatos têm conquistado seu espaço como os animais de estimação preferidos de parte considerável da população brasileira. Apesar desse crescimento, as clínicas veterinárias tradicionais continuam sendo ambientes pouco
agradáveis aos pequenos felinos. Para preencher essa lacuna, a veterinária Victoria Cavalcante fundou, em São Paulo, a The Cat Doctor.

A clínica oferece atendimento especializado aos bichanos, com medidas que visam o bem-estar dos pets e transformam o espaço em um verdadeiro paraíso para eles. “Na faculdade o ensino gira muito em torno dos cães, e nas clínicas veterinárias os cachorros também são maioria, o que pode deixar os gatinhos muito estressados.

Por conta disso, senti que precisavam de uma atenção maior, e decidi trabalhar apenas com eles”, comenta Victoria Cavalcante. Para facilitar a adaptação do animal, a clínica tem recepção e consultório exclusivos para gatos, e ainda dispõe de difusores de feromônio sintético, que vaporizam odores felinos análogos ao odor materno e diminuem o nível de estresse dos pets.

E as mordomias dos clientes de quatro patas não param por aí: as instalações da The Cat Doctor tocam um som ambiente que traz conforto e tranquilidade aos bichinhos. Esse estímulo auditivo é composto por peças de música clássica adaptadas para os ouvidos felinos – que, como atestado pela ciência, são extremamente sensíveis. “Somos uma clínica Cat friendly, que quer dizer ‘amiga dos gatos’, com certificado categoria Ouro da American Association of Feline Practitioners (AAFP). Para conquistar o selo é preciso cumprir uma série de requisitos de manejo, práticas que favorecem o bem-estar e a saúde dos animais”, observa a idealizadora.

Como não poderia deixar de ser, a clínica tem profissionais preparados para atuar junto aos gatos e conta com uma equipe de médicos-veterinários especializados no tratamento dos felinos. A fundadora Victoria Cavalcante é graduada em Medicina Veterinária, mestre em Ciências Veterinárias pela Universidade de São Paulo (USP) e pós-graduada em Clínica Médica de Felinos.

Serviços

Seguindo todos esses preceitos de cuidado e carinho, The Cat Doctor oferece um vasto leque de serviços especializados, como consultas, cirurgias, vacinação e até tratamento dentário. Com estrutura totalmente adaptada para as necessidades dos felinos, ainda possui laboratório para realização de exames.

Com o negócio em pleno crescimento, Victoria tem perspectivas otimistas para o futuro: “Nosso objetivo é contratar mais profissionais, ter espaço para internação e quem sabe até transformar a The Cat Doctor em uma clínica 24 horas”. Atualmente,
o espaço funciona de segunda a sábado, das 9h às 18h, na Rua Sena Madureira, 667, Vila Clementino.

Além dos serviços clínicos, a empresa também tem um braço educativo, através do qual promove palestras e cursos voltados aos amantes e profissionais que trabalham com os animais.

Chegaram para ficar

Reunindo doses ideais de afeto, autonomia e inteligência, os gatos entraram de vez nos lares brasileiros e já são os animais de estimação cuja população mais cresce por aqui – entre 2013 e 2018, segundo o Instituto Pet Brasil, houve um aumento de 8,1%
no número de pets felinos por todo o país. A pesquisa mais recente do IBGE, divulgada em 2015, registrou um total de 22 milhões de gatos domésticos. O aumento é extremamente expressivo e abre espaços para projeções de que, em meados da
próxima década, os felinos se igualem como os animais de estimação mais populares do Brasil, ao lado dos cachorros – e, se o ritmo de crescimento das duas espécies se mantiver, talvez até ultrapassem os cães.

Além de numerosos, os pets são cada dia mais bem cuidados, comportamento que se fortalece graças à constante disseminação de informações sobre suas características e necessidades. Hoje os bichinhos são tratados como membros das famílias, e como tal, recebem o tratamento merecido.

Em face desse contexto, o mercado pet está aquecido e em ascensão. Segundo dados do Instituto Pet Brasil, o país é o segundo principal mercado pet do planeta, atrás apenas dos EUA. Em 2018, o setor movimentou R$ 34,4 bilhões – 4,6% mais que em 2017. E, apesar do delicado cenário socioeconômico do Brasil, a expectativa é de fechar 2019 com nova alta: R$ 36,2 bilhões.

http://www.thecatdoctor.com.br




Fonte: Ralcoh Comunicação



COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA







 
 
Guia Pet & Cia 2008-2020 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS vlido! Valid XHTML 1.0 Transitional