ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar

Basset Hound - Conheça os padrões da raça



País de origem:

França

Nome no país de origem:
Basset Hound

Aparência geral: É um cão rastreador de pernas curtas, de considerável substância, bem balanceado e repleto de qualidades. Uma certa quantidade de pele solta é desejável.

Características: Cão tenaz, de antiga linhagem de caçadores através do faro, com instinto de matilha, voz melodiosa e profunda, capaz de grande resistência nos trabalhos de campo.

Temperamento: Plácido, nunca agressivo ou tímido. Afetuoso.

Cabeça: Em cúpula, com stop moderado e occipital proeminente, arcada superciliar de largura média, afilando suavemente até o focinho. A aparência geral do focinho é lisa, (não snipey) mas não pontuda. A linha superior do focinho é aproximadamente paralela à linha superior do crânio e não muito mais comprida que o crânio, do stop ao occipital. podem haver rugas, em quantidade moderada, na testa e junto aos olhos.
De qualquer modo, a pele da cabeça deve ser suficientemente solta para formar rugas bem nítidas quando puxada para frente, ou quando a cabeça é abaixada. As bochechas recobrem amplamente os lábios inferiores. o nariz é inteiramente preto, salvo nos cães de cor clara, nos quais pode ser marrom ou fígado.
As narinas são grandes e bem abertas. O nariz pode ser ligeiramente saliente além dos lábios.

Olhos: Em forma de losango. Não proeminentes nem muito profundos nas órbitas; de cor escura, mas podem ser marrom médio nos cães de cor de pelagem clara. A expressão é calma, séria e a conjuntiva da pálpebra inferior aparece, embora não excessivamente. olhos claros ou amarelos são altamente indesejáveis.

Orelhas: Inseridas baixas, logo abaixo da linha dos olhos. Muito compridas, ultrapassam amplamente a extremidade de um focinho de tamanho correto, mas sem exageros. Estreitas em toda sua extensão, encurvando-se bem para dentro. Muito macias, de textura fina e aveludada.

Boca: Mandíbulas fortes, com mordedura em tesoura, perfeita, regular e completa, isto é, os incisivos superiores sobrepassam os inferiores em um contato estreito e são implantados verticalmente nos maxilares.

Pescoço: musculoso, bem arqueado, com bom comprimento; com pronunciada barbela, mas não exagerada.

Anteriores: Omoplatas bem inclinadas, ombros não pesados, Pernas dianteiras curtas, poderosas, com forte ossatura. Cotovelos não virados nem para fora, nem para dentro, mas aderentes ao tórax. os antebraços, em sua parte superior são ligeiramente inclinados para dentro, mas não a ponto de interferir na livre movimentação ou resultar em braços se tocando quando parado ou em movimento.
Visto de frente, o antepeito se adapta perfeitamente à curvatura dos antebraços. É defeito muito grave o desvio do carpo para a frente. A pele forma dobras nos metecarpos.

Tronco: Comprido e bem profundo em toda sua extensão. o esterno é proeminente, porém o peito não deve ser estreito ou excessivamente profundo. Costelas bem arredondadas, bem arqueadas, sem saliencias, estendendo-se bem para trás. Dorso bem amplo, no nível, com lombo e quartos traseiros na mesma altura, embora o lombo possa ser ligeiramente arqueado.
O dorso, que vai da cernelha até a inserção das ancas, não deve ser excessivamente longo.

Posteriores: Bem musculoso, firmemente plantado, dando a impressão de quase esférico, quando vistos de trás. Joelhos bem angulados, jarretes bem descidos, quanto possível, colocados bem sob o cão quando parado em posição natural, mas não virados nem para dentro nem para fora.
Rugas de pele podem aparecer entre os jarretes e os pés, assim bem como, na parte posterior das juntas, pequenas bolsas, resultante da pele bem solta.

Pés: Maciços, com juntas fortes e bem almofadados. Os pés dianteiros podem apontar bem para frente, ou ser ligeiramente virados para fora, mas, de qualquer modo o cão deve ficar firmemente plantado em suas patas com o peso distribuído igualmente pelos dedos e almofadas, de tal maneira que os pés deixariam uma impressão (pegada) de cão de grande porte, sem que qualquer região desprovida de almofadas faça contato com o solo.

Cauda:
Bem inserida, um tanto longa, forte na base e afinando, com moderada quantidade de pelos ásperos na parte inferior. Na movimentação, a cauda é bem portada para cima em uma curva suave, tipo sabre, mas nunca enrolada ou caída sobre o dorso.

Pelo: Liso, curto e cerrado, sem ser muito fino. No aspecto geral, todo o perfil do cão é nítido, sem qualquer franja. São altamente indesejáveis os pelos longos e os pelos macios com franjas.

Cor: Geralmente preto, branco e tan ou branco e limão, mas qualquer cor reconhecida de hound é aceitável.

Altura: 33 A 38 cm.

Faltas: Qualquer desvio dos pontos anteriores deve ser considerado como falta, e a gravidade com que a falta deve ser levada em conta, deve estar na exata proporção do seu grau.

Nota: Os machos dever ter dois testículos aparentemente normais plenamente descidos na bolsa escrotal.










Créditos:
As informações presentes neste artigo foram gentilmente cedidas pelo Canil Mondpartner (Abroleto Kennel), especializado nas raças Scottish Terrier, Pug, Basset Hound, Bulldog Inglês e Bulldog Francês.
O Canil fica na avenida João Flávia Ferro, nº 250 - Jd. Sta. Rita - Piracicaba SP
Telefone: (019) 3424-3072

Para maiores informações acesse: http://www.bellagua.com.br/abroleto/index.htm





Veja fotos de Basset Hound, clicando aqui



Para ver mais artigos clique aqui

 
 
Guia Pet & Cia 2008-2017 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS válido! Valid XHTML 1.0 Transitional