ban
Pesquisa no Guia Pet




guias_web
Guia da Embalagem
Guia Construir e ReformarGuia da CulinariaGuia do Turismo e Lazer





submarino


voltar

O lado negro das Corridas de Galgo



Origem e popularidade das competições
Considerada um dos esportes caninos mais antigos, as corridas de galgos datam desde o primeiro século antes de Cristo, perpetuadas na tradição Persa.

Desde então, muita coisa mudou. Desde o fim do século XIX, ocorrem às primeiras corridas de Galgos com caça em cinódromos, uma espécie de terreno artificial próprio para essas competições. O esporte ganhou uma grande popularidade nas décadas de 30 e 40, principalmente nos Estados Unidos, e eram bases de apostas milionárias.

As regras são as seguintes:
1 - Seis cães são postos num posto de partida (starting-box).
2 - Através de um sinal, os cães são soltos em uma pista de formato oval feita de areia ou grama.
3 - Nas laterais do circuito, há um corrimão onde fica um coelho mecânico que é puxado em alta velocidade por um motor (ou um cabo) no trilho do anel, assim que os cães são soltos.

As raças que participam são necessariamente Galgos, ou seja, Whippets, Borzóis, Afghans, Greyhounds, entre outros.

O lado negro das competições
Segundo a NGA (National Greyhound Association), cerca de 12 mil greyhounds são sacrificados anulamente por não apresentarem desempenho satisfatório nas corridas.
Muitos são sacrificados com injeções letais antes de conseguirem chegar a um abrigo, onde teriam a chance de ter um futuro mais digno.

Na Espanha, é tradição, desde os tempos da nobreza, pendurar os cães que correm mal em galhos mais baixos, e deixá-los lá até morrerem. Aqueles que correm bem são pendurados em galhos mais altos, resultando em uma morte mais rápida.
Em vilarejos próximos onde essa crueldade é praticada, as pessoas chegam a reclamar do barulho dos ganidos dos cães durante a noite.

Apesar de deplorável, ainda não houve nenhum projeto efetivo para acabar com tal prática, assim como em muitos lugares (principalmente na Espanha) a prática de tais crueldades não é, nem ao menos, considerada crime.



PETIÇÕES ONLINE
Segue abaixo, uma lista de sites que você poderá assinar e contribuir para que essas atrocidades não ocorram mais.


Fondation 30 millions D´Amis
Todos os anos em janeiro na Espanha, no final da temporada de caça às lebres, 8000 galgos são abandonados ou descartados em condições atrozes. Vamos colocar um fim neste massacre.

Barbara LEFRANC, le Bulletin Des Lévriers
Milhares de galgos são mortos todos os anos na Espanha

SOS Levriers
Uma petição online protestando contra a crueldade com os Galgos e Podencos na Espanha foi iniciada pelo SOS LEVRIERS para alcançar os seguintes objetivos: (i) Que Galgos, Podencos e outras raças de cães de caça possam não mais sofrer a crueldade física e mental que é infligida a eles como uma "tradição" na Espanha. (ii) Que todos estes cães possam viver com dignidade no seu próprio país. (iii) Que o número de resgates internacionais possa finalmente diminuir.

Pro-Galgo
Galgo & Podenco Rescue

PETA
Peça para as autoridades Espanholas o fim da caça com Galgos e a implementação de leis de proteção a estes animais.

PELO FIM DA CAÇA COM GALGOS NA ESPANHA
Assine pelos galgos torturados na Espanha. Aproximadamente 50.000 Galgos morrem todo ano na Espanha nas mãos dos seus donos, depois de serem usados nas caçadas. No final da temporada de caça, os galgos são mortos pelos caçadores a tiros, jogados nos poços, enforcados, eutanaziados, tem a espinha quebrada, são queimados vivos ou afogados.

Catherine Methot
Precisamos de sua ajuda para acabar com a exploração dos Greyhounds nas corridas. Junte-se a nós. Esta atividade cruel precisa ser banida. E, mais importante de tudo, não patrocine os canódromos!

PELO FIM DA EXPORTAÇÃO DE GREYHOUNDS PARA A ASIA
A indústria de corrida australiana vergonhosamente promove e incentiva a corrida de Greyhounds na Ásia. Estes são exportados da Austrália para a Coréia, Vietnã e China com a finalidade de corrida/reprodução com planos de criação de pistas por todo o Camboja e Filipinas. Estes países são notórios pelos atos bárbaros de tortura e matança de cães para consumo humano, onde não há nenhuma esperança ou possibilidade de adoção de Greyhounds aposentados, que terminam seus dias sendo exterminados pela indústria da carne de cachorro ou jogados em aterros. Solicitamos medidas urgentes para proteger os Greyhounds da Austrália deste destino cruel, e que sua exportação para a Asia seja proibida.

Andy Falconer & Gill Thomson
Por favor não apoie, não compareça e nem aposte nas corridas de Greyhounds. Você pode ajudar a parar com a crueldade com os Greyhounds assinando a petição e divulgando entre os amigos e a família.


Fonte: www.galgos.com.br
Para ver mais artigos clique aqui

 
 
Guia Pet & Cia 2008-2017 ©, uma empresa do Grupo Guias Web - Todos os direitos reservados
Normas de uso - Política de privacidade

CSS válido! Valid XHTML 1.0 Transitional